Segundo o MCU Cosmic, a cartela de séries de TV exibidas pelo Marvel Studios através do canal de streaming Disney+ pode aumentar e trazer grandes nomes. Até agora, já foram confirmados Loki, WandaVision, Hawkeye (Gavião Arqueiro) e Falcão e Soldado Invernal. Mas o site diz que outros “grandes nomes” devem vir em seguida, como o Hulk e a Miss Marvel.

Segundo a fonte, que já acertou alguns outros furos no passado, fazer uma série de TV do Hulk seria uma forma de driblar o impedimento de fazer um filme solo do personagem, cujos direitos de adaptação ao cinema pertencem a outro estúdio, a Universal Pictures, e o Marvel Studios só pode usá-lo em parceria com outros heróis. Ou seja, não pode haver um filme solo do Hulk.

Seria uma forma interessante de aprofundar os dilemas de Bruce Banner e a nova dinâmica inaugurada em Vingadores – Ultimato, na qual o cientista e o monstro que o habita “fazem as pazes” e se tornam um só.

Além disso, não seria a primeira vez que o Hulk ganharia uma série de TV. Além do clássico programa exibido entre 1977 e 1980 (e que gerou uma trilogia de filmes para a TV que encerrou a trama do programa); em 2010, a própria Marvel começou a desenvolver um programa para o golias esmeralda que seria produzido e roteirizado por Guillermo Del Toro (de A Forma da Água), mas o megassucesso de Os Vingadores e a popularidade do gigante verde enfraqueceram o ímpeto de uma série que teria outra versão do personagem.

Mas agora, com a trama geral dos Vingadores encerrada, há espaço para mergulhar na psiquê de Bruce Banner, não é mesmo? Que seja na Disney+.

Quanto à Miss Marvel, falamos de Kamala Khan, a primeira super-heroína mulçumana da Casa das Ideias. O nome Miss Marvel foi usado inicialmente por Carol Danvers antes de adotar Capitã Marvel, com o qual chegou aos cinemas.

Embora uma heroína mais recente, a nova Miss Marvel teve histórias muito interessantes e bastante elogiadas pela crítica. Não seria nada mal Kamala Khan trazer ainda mais representatividade ao streaming.