Finalmente, o maior segredo das tramas recentes da DC Comics e do Batman será revelado! A editora anunciou a data de lançamento de Three Jokers, a minissérie (em três edições, claro) que explicará o fato do Coringa não ser uma, mas três pessoas!

Nada está muito claro a esse respeito e a DC Comics não fez muito esforço para explicar do que realmente essa questão trata. Tudo começou na saga A Guerra de Darkseid, na revista da Liga da Justiça, na qual o Batman senta na Poltrona Mobius, um artefato cósmico que acesso ilimitado a toda a informação do universo. A primeira pergunta que o cavaleiro das trevas faz é “qual o verdadeiro nome do Coringa?”, no que a trama o mostra surpreso pela resposta e emite um “não pode ser!”.

Mais tarde, alguns números depois, o Lanterna Verde Hal Jordan pergunta ao Batman qual foi a resposta, e ele diz que a Poltrona revelou existirem três Coringas, não um. A revelação foi reforçada no especial Rebirth 01, que deu início ao leve reboot da DC Comics chamado Renascimento, mostrando que o homem-morcego estava investigando a questão.

Desde então, ficou anunciado que os criadores da trama – o escritor Geoff Johns e o desenhista Jason Fabok – iriam revelar o mistério numa minissérie chamada Batman: Three Jokers (Três Coringas), porém, isso foi em 2016 e até hoje a história não foi publicada.

Mas agora, isso mudou. A DC Comics anunciou que a primeira (das três edições) de Três Coringas chega às comics shops dos Estados Unidos no dia 17 de junho próximo, bem há tempo de comemorar os 80 anos da estreia do príncipe palhaço do crime.

Johns estava bastante ocupado escrevendo Doomsday Clock, a maxissaga que uniu os universos de Watchmen com os heróis tradicionais da DC. Além de ser um dos maiores escritores da editora nos últimos anos – trabalhando especialmente no Superman, Lanterna Verde, Aquaman e Liga da Justiça – Johns também já foi Diretor Criativo da DC Entertainment e presidente da DC Films. Hoje ainda está oficialmente ligado ao roteiro do filme da Tropa dos Lanternas Verdes, embora não se saiba se esse filme irá mesmo entrar em produção.

A premissa da revista é a seguinte:

Após anos de antecipação, a história épica finalmente chegou: descubra porque há três Coringas, e o que isso significa para a batalha de décadas de duração entre o cavaleiro das trevas e o príncipe palhaço do crime. Nesta história poderosa e emocional, Batman, Batgirl e Capuz Vermelho – todos vítimas do Coringa no passado – trabalharão juntos para resolver um mistério como nenhum outro que eles encararam antes.

Além de ter sido o arqui-inimigo do Batman quase desde o início, o Coringa é o responsável por algumas das maiores tragédias na vida do homem-morcego, como a morte do Robin Jason Todd, deixar Barbara Gordon, a Batgirl paraplégica e assassinar a esposa do Comissário Gordon, Sarah Essen. Infelizmente, os quadrinhos da DC reverteram alguns desses crimes: Todd voltou dos mortos e hoje é o Capuz Vermelho e a Batgirl recuperou o movimento das pernas e voltou a ser a heroína depois de passar mais de 20 anos numa cadeira de rodas como a Oráculo, a informante secreta do Batman e da Liga da Justiça.

O Coringa foi criado por Bob Kane, Bill Finger e Jerry Robinson, estreando em duas histórias da revista especial Batman 01, de 1940, lançada pouco mais de um ano após a estreia do cavaleiro das trevas.