Um dos grandes mistérios deixados por Star Wars – O Despertar da Força é a identidade e real natureza do grande vilão por trás da Primeira Ordem, o Supremo Líder Snoke. No filme, Snoke (interpretado via captação de movimentos por Andy Serkis) é visto apenas como uma projeção de holograma gigante, com algo entre 15 e 20 metros de altura. Irá Star Wars – Os Últimos Jedi revelar pelo menos alguns dos mistérios do vilão? Segundo o Comic Book Movie, um brinquedo traz grandes pistas.

O brinquedo é chamado Snoke’s Room of Thrones Set e exibe o que aparenta ser a base do vilão e sua sala do trono. Primeiro, chama a atenção o formato esférico do brinquedo, que lembra demais a antiga Estrela da Morte, de filmes como Star Wars Episódio IV – Uma Nova Esperança e Rogue One. Realmente, esperamos que não se trate disso, pois além de já ter sido objeto de ameaça de três filmes, O Despertar da Força ainda teve a Starkiller, remodelando o conceito. É hora da franquia seguir outro rumo.

Além disso, os brinquedos parecem revelar a real dimensão de Snoke: não um gigante de verdade, mas alguém muito alto. Isso casa com um antigo rumor de que a altura dele é de 7 pés, ou seja, algo como 2m15. Isso com certeza é ameaçador o suficiente e ao mesmo tempo realista o suficiente para deixá-lo crível.

Se a projeção vista em O Despertar da Força for fidedigna, Snoke não é exatamente da raça humana predominante em Star Wars, mas de outra raça humanoide bem similar.

Agora, se ele é um Lorde Sith como aquele filme sugere (ele sente o despertar da força em Rey e é o mestre do outro vilão Kyle Ren), qual é sua origem? Ele possui alguma relação com Luke Skywalker? De onde vêm as terríveis cicatrizes que ostenta no rosto ao ponto de deformá-lo?

Trará Os Últimos Jedi as respostas a estas questões?