Fantastic-Four-X-Men-Marvel-Team-upPor essa ninguém esperava. Bem, pelo menos não assim. A CNBC divulgou hoje que a 21th Century Fox está negociando a sua venda para a Walt Disney Company. Isso na prática sugere que as franquias cinematográficas dos X-Men e do Quarteto Fantástico podem ser repassadas ao controle da Marvel Entertainment via Marvel Studios e aqueles personagens finalmente se integrarem ao universo dos Vingadores nas telonas.

Segundo a CNBC, a Fox vem sentindo o peso da concorrência e a incapacidade de concorrer satisfatoriamente no campo do entretenimento com outras companhias mais especializadas nisto, como a própria Disney ou a gigante da Warner Bros. No cinema, a Fox também falhou em obter uma franquia de sucesso nos últimos anos: o Quarteto Fantástico somou três fracassos e os X-Men, embora tenham rendido a fama dos personagens, nunca gerou um sucesso ao nível dos Vingadores (nenhum chegou ao US$ 1 bilhão) e alguns filmes foram bem recebidos (Primeira Classe, Dias de Um Futuro Esquecido, Deadpool, Logan) muitos não empolgaram o público ou a crítica (X-Men Origens – Wolverine, Wolverine – Imortal, X-Men – Apocalipse).

Segundo fontes ouvidas pela empresa, a intensão da Fox é se focar mais no que ela julga ser sua especialidade: notícias e esportes, de modo que a venda não envolveria canais como a Fox News. A parte de entretenimento – inclusive TV e cinema – seriam repassadas à Disney.

Com isso, a gigante Disney não somente teria em mãos os lucrativos mercados da Fox no Reino Unido, Alemanha e Itália, além de 39% da Sky, sem contar que os X-Men irão se somar a Star Wars e à Marvel. Atualmente, a Disney é proprietária da Marvel Comics (e sua divisão de cinema com os Vingadores) e da LucasFilm (Star Wars). Ou seja, no futuro breve, quando ocorrer a mescla das duas empresas, os fãs poderão ver pela primeira vez nos cinemas um crossover entre os mutantes e os Maiores Heróis da Terra; quer dizer, X-Men e Vingadores, Wolverine versus Hulk, Ciclope ao lado do Capitão América, sem contar com o Quarteto Fantástico e sua gama de personagens associados, como o Surfista Prateado e, claro, Galactus.