'Lights Out' film premiere, Los Angeles, USA - 19 Jul 2016
Toby Emmerich.

Nós já havíamos previsto. Dissemos lá atrás: cabeças iam rolar! Dito e feito. Depois da notícia recente de que a DC Films teria um novo presidente na figura de Walter Hamada, agora é a companhia-mãe quem promove grandes mudanças: o chefe de produção Toby Emmerich foi promovido para o cargo de Presidente (Chairman) da Warner Bros. Pictures, enquanto a ocupante anterior do cargo, Sue Kroll, está sendo reconduzida a um cargo de produção.

O novo cargo de Emmerich é responsável não apenas pela produção dos filmes, mas também por sua distribuição mundial e marketing.

Com franquias como Marvel e Star Wars atingindo sucessos constantes de bilheteria com mais de US$ 1 bilhão, e seu anterior maior êxito, a franquia Harry Potter, entrando em uma fase “menor” (com os filmes Animais Fantásticos e Onde Habitam), agora, os filmes da DC Comics são a franquia mais valiosa da Warner. Porém, nenhum dos filmes da safra recente conseguiu fazer muito mais do que 800 milhões e com aquele que poderia ser a culminância de tudo, Liga da justiça, fez apenas 675 milhões, perdendo de todos os outros filmes da DC, à exceção de Superman – O Homem de Aço, que foi o primeiro deles. De todos os filmes da DC lançados desde então – Batman vs. Superman – A Origem da Justiça, Esquadrão Suicida, Mulher-Maravilha e Liga da Justiçao único que foi um sucesso de verdade (ou seja, cumpriu as expectativas do estúdio) foi Mulher-Maravilha, que inclusive, vem galgando indicações a prêmios na temporada pré-Oscar e pode até ser indicado em alguma categoria “nobre” da disputada estatueta.

justice league movie poster with supermanO grande problema – e isso é algo a ser analisado pela Warner – é que Liga da Justiça e alguns outros filmes da DC não conseguem agradar ao público dos EUA, ao mesmo tempo em que vão muito bem em outros mercados. É o caso do Brasil, por exemplo: segundo o Omelete, o longa da equipe foi a maior bilheteria do país em 2017!

No Brasil, Liga da Justiça arrecadou R$ 133,6 milhões, ultrapassando Velozes & Furiosos 8 e se tornando o maior filme do ano, além de atingir a impressionante marca de ser a quarta maior bilheteria do Brasil em todos os tempos!

Agora, o estúdio precisa entender qual é o elemento que faz com que os heróis da DC, tão icônicos e conhecidos mundo à fora, não conseguem fazer o sucesso esperado em seu próprio país.