A Variety revelou hoje que a Batwoman, heroína da DC Comics, terá uma série de TV própria pelo The C.W. nos Estados Unidos, integrada, portanto, ao chamado Arrowverse, ou seja, ao universo compartilhado por Arrow, The Flash, Supergirl e Legends of Tomorrow. Já havia sido anunciado que Kate Kane iria estrear no crossover anual que une as tramas das quatro séries, mas aparentemente, os executados gostaram tanto do potencial da personagem que decidiram dar uma série só para ela.

A série Batwoman provavelmente estreará em 2019 e terá produção executiva de Caroline Dries, que foi roteirista de Smallville e produtora de The Vampire Dairies. Além dela, comandarão o programa o time de Greg Berlanti, Geoff Johns e Sarah Schechter.

Criada por Bob Kane, Edmond Hamilton e Shedon Moldoff em 1956, estreando em Detective Comics 233, a personagem foi abandonada logo no início dos anos 1960, mas foi recriada em 2005 dentro do evento 52 por Grant Morrison e Alex Ross, ganhando aventuras próprias por J.H.Williams III a partir de 2009. Na nova versão, Kate Kane é lésbica, sendo a primeira personagem a se declarar abertamente na DC Comics.