Promessa é dívida. E às vezes é lucro! O HQRock tinha dito que Aquaman iria ultrapassar a marca de US$ 1 bilhão nas bilheterias mundiais nesta semana e foi feito. Segundo a Forbes, a aventura solo do herói submarino atingiu a marca ontem e agora até passou a arrecadação de Batman – O Cavaleiro das Trevas, de 2008, que foi de 1,004 bilhão. Com isso, o rei dos sete mares dirigido por James Wan se torna o 8° maior filme de super-heróis da história em arrecadação e o segundo maior da DC Comics, atrás apenas de Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge, de 2012, que fez 1,084 milhões, marca que o longa deve atingir em breve.

Mas como o HQRock também sinalizou na postagem do link acima, nem tudo são flores. Aquaman é um fenômeno no mundo, e em particular na China, porém, a bilheteria nos EUA é alta, mas abaixo de outros lançamentos da DC Comics. A Forbes mostra que Arthur Curry atingirá a marca de US$ 300 milhões no mercado dos EUA apenas na próxima semana, estando ainda muito atrás de Mulher-Maravilha, que fez 412,5 milhões, em 2017, ficando o filme estrelado por Jason Momoa apenas no patamar de Batman vs. Superman – A Origem da Justiça e Esquadrão Suicida, com 330 e 325 milhões, respectivamente, dois longas que foram recebidos com toneladas de receio e má recepção.

Para piorar, isso só confirma uma tendência que vem desde Superman – O Homem de Aço: os filmes da DC Comics ressoam muito melhor no mundo do que nos EUA. Se você analisar a bilheteria de Liga da Justiça verá que não foi nada mal no resto do mundo e pode ser considerado um sucesso, mas fracassou miseravelmente em seu país de origem. E apesar da arrecadação do do mundo representar cerca de 60% do total, a dos EUA ainda é considerada a mais importante.

Contudo, se é assim, a DC ainda não conseguiu se conectar com seu público e isso pode ser devastador no futuro breve.

Aquaman não vem sem contexto: Jason Momoa é um ator bastante querido, tendo trabalhado em produções bastante apreciadas dos nerds, como Stargate – Atlantis e Games of Thrones; e veio criando espectativa aparecendo como Arthur Curry num rápido cameo em Batman vs. Superman e sendo um dos protagonistas de Liga da Justiça e apreciado no papel.

Sem tamanha preparação, como se sairá Shazam!, por exemplo? Este pode agradar as crianças. Mas Aves de Rapina/ Birds of Prey conseguirá superar a frustração de Esquadrão Suicida? Personagens desconhecidos como Zatanna, Besouro Azul e Homem-Borracha vão interessar ao público?