Os Beach Boys no início da carreira.

Há pouco tempo, os Beach Boys – uma das mais importantes bandas de rock dos Estados Unidos na década de 1960 – anunciaram que fariam uma turnê comemorativa dos 50 anos de atividades do grupo, que culminará na gravação de um novo álbum.

A grande novidade mesmo é que o compositor Brian Wilson vai estar juntos deles. Wilson fundou a banda em 1961 e foi seu líder e principal compositor por anos. Ele sofreu um colapso nervoso em 1964 e abandonou os palcos, passando a se dedicar apenas ao trabalho de composição e gravação, enquanto a banda excursionava sem ele. Mas Wilson sofreu outro grave colapso, potencializado pelo abuso de drogas, em 1967, que lhe afastou da banda.

Desde então, apenas contribuiu esporadicamente com a banda, chegando a voltar aos palcos em 1976, apenas para mostrar que era uma mera sombra do passado.

Brian Wilson de volta à banda que criou.

Os Beach Boys já perderam dois ex-membros, Dennis e Carl Wilson, ambos irmãos de Brian Wilson, falecidos nos anos 1980 e 1990. Atualmente a banda mantém, além de Wilson, os membros originais Mike Love e Al Jardine, mais Bruce Johnson (que substituiu Brian Wilson nos palcos em 1965) e o “novato” David Marks.

E o primeiro show da banda reunida será na entrega dos prêmios Grammy, que ocorrerá este domingo, 12 de fevereiro,  em Los Angeles, nos EUA.

A cerimônia pretende chamar a atenção com uma lista enorme de atrações, entre as quais: Adele, Bruce Springsteen, Coldplay, Foo Fighters,  Katy Perry, Paul McCartney, Rihanna e Glen Campbell (cantor que também tocou nos Beach Boys nos anos 1960).