deadpool scaredUma notícia surpreendente veio à tona ontem, divulgada pelo CNBC: enquanto todos julgavam certa a aquisição da 21th Century Fox (proprietária dos direitos de adaptação dos X-Men, Deadpool e Quarteto Fantástico aos cinemas) pela The Walt Disney Company (proprietária do Marvel Studios e dos Vingadores), algo que colocaria a maioria dos personagens da Marvel Comics finalmente sob o mesmo teto cinematográfico; um novo jogador entra em cena, quando a ComCast se pronunciou com uma proposta de compra ainda maior do que a da concorrência. Será que o acordo Fox-Disney está em risco com essa nova carta na mesa?

Após a empresa de Rupert Murdock ter sido posta à venda, a Disney fez uma proposta de compra de US$ 52,4 bilhões. Não se sabe qual é o volume posto na mesa pela ComCast, mas ele é ainda maior.

Contudo, os especialistas acham que o acordo Fox-Disney não está em risco e irá se realizar. A questão é que a ComCast é parceira da Fox em vários empreendimentos, o que prenuncia uma série de resistências do Governo dos EUA, envolvendo as leis antitruste; similar ao o que ocorreu na problemática fusão entre a Time Warner e a AT&T. Por isso, desde sempre, Murdock era mais favorável à fusão com a Disney, onde tais problemas não iriam ocorrer. É um negócio mais seguro.

Claro, tudo depende da decisão dos acionistas, mas Murdock ainda e o acionista majoritário e dá as cartas. Mas, de qualquer modo, é bom ficar atento ao que vem por aí.