O diretor Zack Snyder participou de um evento de perguntas e respostas durante um evento filantrópico neste fim de semana e, pela primeira vez, falou abertamente sobre a produção de Liga da Justiça, das várias versões do filme na pré-produção e o produto final, além da tão alardeada Snyder’s Cut, a versão do diretor que não chegou aos cinemas.

Zack Snyder: vai ou não vai?

Snyder fez sucesso com 300 de Esparta e Watchmen e foi convidado pela Warner Bros. para organizar o Universo DC nos cinemas, lançando Superman – O Homem de Aço (2013) e Batman vs. Superman – A Origem da Justiça (2016), mas a recepção dividida de ambos, e mais ainda do segundo, gerou uma série de complicações. Ele ainda dirigiu Liga da Justiça, mas foi demitido do estúdio após executivos assistirem uma versão prévia do longa. Para seu lugar foi contratado Joss Whedon (de Os Vingadores) que demandou um extenso cronograma de refilmagens, que foram realizadas, mas ao mesmo tempo, o estúdio não adiou a data de lançamento e Liga da Justiça chegou aos cinemas praticamente inacabado e foi massacrado pela crítica e fez apenas 600 milões nas bilheterias mundiais.

Não se sabe quem finalizou a edição de Liga da Justiça, mas o fato é que o filme que chegou aos cinemas não é a versão nem de Snyder nem de Whedon, algo que já foi confirmado por ambos os diretores em entrevistas.

Segundo o Comic Book Movie – que infelizmente não diz o nome do evento na qual esteve o diretor – Snyder teria esclarecido muitas coisas. Vamos listá-las:

Zack Snyder usa a luva do Batman para trabalhar nos storyboards.

A versão original de Liga da Justiça não foi filmada

Em primeiro lugar, Snyder esclareceu que o filme que ele realmente pensou nunca foi filmado. Ele e o roteirista Chris Terrio escreveram o roteiro de Liga da Justiça ainda antes do lançamento de Batman vs. Superman, mas a recepção ruidosa deste levou o estúdio a pedir mudanças drásticas no texto. Snyder não detalha que mudanças eram essas, mas temos pistas do que seria…

Existe mesmo a Snyder’s Cut

A segunda versão existe e foi filmada. Snyder e Terrio fizeram as modificações sugeridas pela Warner e filmaram o filme, que o estúdio recusou. Este filme é muito diferente do Liga da Justiça que chegou aos cinemas, mas o fato é que não sabemos o que ele é.

De qualquer modo, está gravado e nos arquivos da Warner. Se será lançado, não sabemos. Até porque os efeitos especiais não foram realizados, ou seja, seria caríssimo produzir uma versão.

Mas os comentadores na internet já deram pelo menos uma solução temporária: por que Snyder não lança seu Liga da Justiça como um livro (adaptação do roteiro) ou mesmo uma graphic novel? Está última em particular é uma ideia estupenda. E não duvido que ocorra daqui há alguns (bons?) anos.

A Liga da Justiça de Zack Snyder

Snyder falou sobre o que seria o seu filme, mas infelizmente não ficou claro se a trama que ele explicou era da primeira versão do roteiro (que não foi filmada) ou da segunda (que foi filmada).

Vejamos a trama:

  • Liga da Justiça começaria no futuro, com a Terra destruída e dominada por Darkseid. A Liga da Justiça havia sido derrotada e apenas alguns membros estavam vivos: Batman, Flash e metade do Ciborgue. Esse é o mundo visto no pesadelo do Batman em A Origem da Justiça, chamado de Knightmare (trocadilho entre pesadelo e cavaleiro em inglês).
  • O que aconteceu? Darkseid atacou a Terra e a Liga se uniu para lutar contra ele, mas a morte de Lois Lane pelo vilão levou o Superman a ser vítima da Equação Anti-Vida e ele se tornou maligno, ajudando o líder de Apokolips a dominar a Terra. Por isso, o Superman é malvado no Knightmare e chega a matar o Batman, lembram?
  • E como Lois morreu? Na trama, enquanto lutam contra Darkseid no presente, Superman confia ao Batman a segurança dela e o homem-morcego a coloca na batcaverna, mas Darkseid vai até lá e a mata em um Tubo de Explosão.
  • No futuro, então, Batman e o meio Ciborgue se unem para mandar o Flash de volta ao passado e avisar Bruce Wayne de que “Lois Lane é a chave”, que é a cena que vimos em Batman vs. Superman.
O que está acontecendo aqui? É um pesadelo!
  • Só que dessa vez, eles mandam o Flash para um momento imediatamente anterior à chegada de Darkseid à batcaverna, conseguindo salvar Lois Lane e impedir o Superman de ficar maligno.

Liga da Justiça Parte 1 e Parte 2

Repetimos: não ficou claro se essa trama era a da versão 1 ou 2 do roteiro, mas podemos supor que, pelo menos, a versão 2 – que foi efetivamente filmada – tinha alguns elementos dessa trama. Então, o mistério em grande parte continua.

Além disso, Snyder tinha pensado – e assim foi anunciado no começo – que Liga da Justiça seria um filme em duas partes, gravadas ao mesmo tempo; um plano que a Warner desistiu – quase que certamente após ler o roteiro de Snyder e Terrio.

É possível – e isso já sou eu especulando – que o Liga da Justiça que Snyder gravou tenha sido bem diferente disso, sendo a reunião da Liga em primeiro lugar. Lembre-se: não há menção na trama acima sobre o Superman ser ressuscitado e ele termina A Origem da Justiça morto.

Liga da Justiça (Parte 1) teria que mostrar a trama de ressuscitar o Superman e isso talvez ocorresse com o grupo se unindo para impedir o Steppenwolf ou Lobo da Estepe tal qual chegou à versão final, em vez do próprio Darkseid. Talvez aquilo que Snyder descreveu tenha sido a Parte 2, que nunca foi filmada. Nem será.

Se não, se a ressuscitação do Superman e a trama da viagem no tempo já estavam na Parte 1, então, realmente, Liga da Justiça seria um filme difícil de acompanhar e precisaria de 3 horas de duração tal qual a versão para diretor de Batman vs. Superman.

Comentário de Kevin Smith

Curiosamente, o relato de Snyder não casa exatamente com os comentários divulgados por Kevin Smith (também diretor de cinema e escritor de quadrinhos) que disse que teve acesso aos planos da Trilogia para a Liga da Justiça. Em resumo:

  • Parte 1: mais ou menos o que vimos no cinema, mas com Darkseid aparecendo para os heróis no fim, quando o Lobo da Estepe fugiria por um Tubo de Explosão.
  • Parte 2: o Lanterna Verde chegaria à Terra para anunciar a ameaça de Darkseid e a Liga da Justiça decidiria ir até Apokolips e levar a guerra ao vilão. Os heróis seriam derrotados.
  • Parte 3: Darkseid viria a Terra e dominava o planeta.

Smith não comentou nada sobre viagens no tempo, apenas que o Knightmare iria se concretizar.

Mas podemos supor, então, que esta Parte 3 seria aquilo que Snyder descreveu, com o filme começando no futuro, e Flash voltando ao passado para mudar tudo.

Mas de novo: essa trilogia foi pensada por Snyder ou depois que ele partiu?

Porque de início se falava apenas em Parte 1 e 2, não em 3.

Enfim, grande parte do mistério continua, mas com Snyder progressivamente falando mais, os detalhes devem vir à tona daqui há não mais muito tempo.

E quem sabe a Snyder’s Cut chega ao público por meio de um livro ou HQ? Quem sabe?