Após as revelações de Star Wars – A Ascensão Skywalker, hoje continuou a programação da Star Wars Celebration, em Chicago, nos EUA, e o painel de hoje trouxe grandes revelações sobre The Mandalorian, a primeira série de TV live action da franquia. Foi exibido o trailer (ainda não revelado online) e descrições da trama, da ambientação e dos personagens, como explica o Comic Book Movie.

O Mandaloriano será ambientado 5 anos após O Retorno de Jedi, mostrando um ponto crucial em que ainda existem resquícios do Império e a Nova República ainda não firmou sua autoridade totalmente. Para piorar, a história se passará na Orla Exterior, ou seja, uma zona da Galáxia que é mais afastada do centro (das grandes civilizações) e, portanto, à margem da ordem e da lei.

Vejamos os personagens antes da descrição do trailer e de mais detalhes da trama:

  • O protagonista da série, Pedro Pascal, viverá um personagem que, aparentemente, será chamado apenas de O Mandaloriano mesmo, encurtado para Mando.
  • Gina Carrano interpreta Cara Doon (também vem sendo chamada de Dune), que é uma ex-rebelde com dificuldades de retornar à vida em sociedade após o fim da guerra.
  • Carl Weather (o Apolo Creed da série de filmes Rocky) vive Grief Carga, o chefe de um sindicato de contrabandistas que contratará Mando para uma missão especial.
  • O cineasta Werner Herzog aparece como um personagem que é o contratante de Carga.
  • Giancarlo Esposito será um tipo de líder – ex-militar? – ainda fiel ao Império e, aparentemente, comandante de uma frota de Stormtroopers.

A trama geral é o personagem de Herzog contratada o sindicato de Grief Carga para roubar uma “carga” muito especial e valiosa – que ao que tudo indica é uma mulher, não um objeto – e Carga confia a missão a Mando.

O protagonista é descrito como um tipo à lá Clint Eastwood nos filmes de Sergio Leone, ou seja, um cara durão, implacável e de poucas palavras.

O trailer exibido é mais ou menos o que se segue, segundo a descrição do Omelete:

Carga passa a missão para Mando, que vai a uma sala cheia de Stormtroopers e se encontra com o personagem de Werner Herzog, que é o contratante. A missão é resgatar uma mulher.

Segue-se várias cenas de ação e um diálogo, quando dizem: “Abaixe essa arma, Mandaloriano, são 4 contra um”, e o contrabandista responde: “Adoro essas chances”.

uma luta entre Mando e Cara, com os dois rolando no chão e terminando com cada um com uma arma apontada contra a cabeça do outro. O personagem de Giancarlo Esposito aparece pilotando uma nave e com suas tropas incendiando uma vila.

O mercenário robô IG-88 – que apareceu rapidamente em O Império Contra-Ataca – aparece atirando e girando

O painel revelou que a série terá um clima de faroeste, resgatando elementos do início da franquia, especialmente de Uma Nova Esperança.

The Mandalorian é produzido por Jon Favreau (o diretor de Homem de Ferro e da nova versão de O Rei Leão) e conta com direção de Dave Filoni (o criador de Star Wars Rebels). Os episódios terão vários diretores distintos – um deles é Taika Waititi (de Thor – Ragnarok) – e a data de estreia será em 12 de novembro nos Estados Unidos, no Disney+, o novo canal de streaming da Casa do Rato, que estreia naquele mesmo dia.

No Brasil não está claro ainda como se dará a exibição, pois a previsão da chegada do Disney+ à América Latina é de apenas em 2021. É difícil pensar que a LucasFilm não irá exibir a série pelo resto do mundo, portanto, haverá alguma alternativa. Provavelmente, O Mandaloriano será exibido ou em outro streaming – talvez no Netflix, como fez a Warner que, ao lançar o streaming DC Universe (dedicado aos produtos da DC Comics), o manteve exclusivo nos EUA, de modo que a série de TV Titãs está disponível no Brasil pela Netflix – ou até mesmo em algum canal de TV paga.