Pouco a pouco o elenco de The Batman vai se montando. Após a revelação de que Zoe Kravitz será a Mulher-Gato, agora, foi anunciado oficialmente pela Warner Bros. que o Charada será vivido por Paul Dano (de Little Miss Sunshine, Cowboys & Aliens e 12 Anos de Escravidão).

É sabido que anteriormente, o estúdio estava negociando com Jonah Hill, mas enquanto este ator queria interpretar o Charada, a Warner na verdade, o queria como Pinguim. De qualquer modo, o estúdio não aceitou a oferta salarial do ator. E embora o The Hollywood Reporter tenha anunciado ontem “oficialmente” que Hill não estaria no papel, na verdade, a Forbes já havia divulgado isso a mais de 17 dias atrás, como o HQRock noticiou (veja aqui).

Segundo o comunicado da oficialização de Paul Dano, é dito que o Charada se chamará Edward Nashton, e não o mais comum, Edward Nygma.

A típica arte de Dick Sprang consolidou o visual do Batman nos anos 1950.

Mas na verdade, isso também é canônico. Inicialmente, o personagem era chamado de Edward Nygma (ou Eddie para os íntimos), porque sua abreviação formava a palavra E. Nygma. Mas na típica busca por mais realismo (e menos afetação) da cronologia do Batman pós-Crise nas Infinitas Terras (o reboot que zerou a DC Comics nos anos 1980), ficou decidido que o nome real do Charada era Edward Nashton, mas que ele adotou o nome Nygma para criar o efeito da abreviação. Desde então, com as constantes mudanças cronológicas da DC, essa ideia vai e vem.

Os vilões no filme da série.

Um dos mais antigos e recorrentes vilões do Batman, o Charada (The Riddle no original) foi criado por Bill Finger e Dick Sprang, estreando em Detective Comics 148, de 1948, e já ganhou algumas célebres versões em live action. Na série de TV do Batman dos anos 1960 – e no filme homônimo criado para divulgá-la – o vilão foi vivido por Frank Gorshin, que inclusive, ganhou um Globo de Ouro pelo papel na TV. Na segunda e na terceira temporada, o ator terminou substituído por John Astin.

Duas Caras e Charada na visão de Schumacher.

O personagem voltou ao cinema um outra vez, em Batman Eternamente, de 1995, vivido numa versão histriônica por Jim Carrey. Nos desenhos animados, ganhou uma versão mais intelectualizada com voz de John Glover a partir de 1992. E na série de TV Gotham, o personagem foi vivido por Cory Michael Smith, ao qual ao longo do seriado é mostrada lentamente sua origem e queda ao crime.

Noutra notícia relacionada a The Batman, o escritor Mattson Tomlin anunciou no Twitter que produziu o roteiro do filme ao lado do diretor Matt Reeves.

The Batman tem no elenco Robert Pattinson como o herói, ao lado de Jeffrey Wright (Comissário Gordon) e Zoe Kravitz (Selina Kyle/ Mulher-Gato). A estreia será em 25 de junho de 2021.