O diretor Zack Snyder participou de uma conversa no podcast Beyond The Trailer e surpreendeu quando foi perguntado sobre quanto tempo de cenas novas em sua versão de Liga da Justiça que sairá no HBO Max em 2021: 4 minutos!

Só isso?

A resposta surpreende por causa do estardalhaço com que foram anunciadas as refilmagens do filme, com um pretenso orçamento de US$ 70 milhões e o retorno de Ben Affleck, Ray Fisher e Amber Head para novas cenas de Batman, Ciborgue e Mera, respectivamente, além das novas adesões de Joe Manganiello como Exterminador (ele tinha feito um cameo na versão dos cinemas na cena pos-créditos) e de Jared Leto como o Coringa, que não estava de jeito nenhum nas versões anteriores.

Bom, segundo o próprio diretor, tudo isso se resume a somente 4 minutos.

Snyder disse (transcrito pelo Collider):

Eu diria que, no fim, vai ficar provavelmente em torno de 4 minutos… ou 5 minutos de filmagens adicionais para o filme inteiro. Nas 4 horas que formam Liga da Justiça, talvez 4 minutos.

Realmente não é muito não é?

Se é o caso, então, o diretor realmente apenas precisou regravar alguns pequenos detalhes e as alardeadas participações do Exterminador e do Coringa serão mesmo apenas rapidíssimos vislumbres de cada. Talvez o Exterminador ganhe alguns poucos segundos a mais da cena que já vimos no pós-créditos da versão dos cinemas, enquanto o Coringa ganhe um flashback rápido. (Há constantes rumores de que seria a cena do vilão matando o Robin).

Na mesma conversa, Snyder também revelou que não foram construídos novos figurinos para as filmagens, mas que a produção foi atrás de resgatar as mesmas peças usadas nas filmagens de 2016, o que soa como uma medida de contenção de despesas, pois uma única roupa completa do Batman pode chegar a custar uns 100 mil dólares para ser produzida.

O que nos leva a considerar que os 70 milhões investidos na Liga da Justiça de Zack Snyder devem ter sido gastos majoritariamente nos efeitos especiais digitais do longa.

Todavia, a declaração de Snyder deixa uma questão maior no ar…

O HQRock havia comentado anteriormente a possibilidade de que a Liga da Justiça de Zack Snyder termine sendo simplesmente uma versão maior e mais exagerada do filme que já vimos nos cinemas, algo que, por sinal, o Collider também considera.

Se for o caso, será mesmo uma pena e uma decepção, pois o alarde em relação à aparição de Darkseid se resumirá à participação do vilão no início do filme, na cena do ataque à Terra na Antiguidade – em substituição ao Lobo da Estepe que vimos no cinema. Mas no presente, aparentemente, a Liga da Justiça terá que se reunir para enfrentar uma versão apenas mais assustadora do Lobo da Estepe do que aquela do original.

E Darkseid? No plano original de Snyder, o senhor de Apokolis seria guardado para Liga da Justiça 2.

Mas será que o plano se mantém?

Parece que Snyder guarda a esperança de que sua versão de 4 horas será um sucesso e que a HBO Max irá encomendar uma sequência onde colocará seu plano em voga. Mas isso é muito arriscado e o diretor corre o risco de decepcionar todo mundo com um filme que, em essência, é o mesmo que já vimos.

Isso se torna pior porque quando chegaram as notícias de que haveria a filmagem de novas cenas e que a versão final teria 4 horas de que Snyder seria mais ousado e adulteraria seu plano, mexendo nos arquivos digitais (70 milhões) e substituindo o Lobo da Estepe por seu chefe mais poderoso. Isso sim seria um oponente digno de reunir a Liga da Justiça.

Mas ao dizer que são apenas 4 minutos de cenas novas, Snyder esfria a esperança de que teremos algo diferente.

De qualquer modo, Snyder confirmou que o filme ganhará um novo trailer na semana que vem.

Liga da Justiça – Versão Do Diretor (este parece ser o título oficial do filme até agora) será lançado numa versão com 4 horas de duração e estruturado como uma minissérie em 4 capítulos no HBO Max em algum momento de 2021. Não há uma data de estreia definida.