Os membros remanescentes da banda Queen, o guitarrista Brian May e o baterista Roger Taylor, anunciaram que irão lançar uma canção inédita da banda com os vocais de Freddie Mercury, músico que morreu em 1991. A nova faixa se chama Face it alone e chegará ao público no mês de setembro deste ano.

Ao Stereogum, Taylor disse:

Nós encontramos uma pequena joia de Freddie, que nós meio que tínhamos esquecido. E é isso. É maravilhoso! De verdade, é uma descoberta verdadeira.

Face it alone foi originalmente registrada durante as sessões do álbum The Miracle, lançado em 1989 e o penúltimo antes da morte de Mercury por complicações causadas pelo vírus HIV. A canção era apenas uma demo de estúdio e, aparentemente, tinha problemas de áudio, pelo o que disse o guitarrista Brian May:

Estava meio que escondida a plena vista. Nós a olhamos várias vezes e pensamos “oh, não, não podemos resgatar isso. Mas, de fato, chegamos aqui de novo e nosso maravilhoso time de engenheiros [de som] veio [e disse] “Ok, nós podemos fazer isso e isso”. É como costurar coisas juntas… Mas é linda, é tocante.

Não há demais detalhes sobre a faixa, seu estilo, em qual formato será lançado (uma coletânea? Um single?) e qual a data exata.

A última canção inédita do Queen com vocais de Freddie Mercury foi lançada oito anos atrás, na coletânea Queen Forever, com There must be more to life than this, que originalmente era um dueto com o também falecido cantor Michael Jackson. A versão original da faixa foi lançada no primeiro álbum solo de Mercury (Mr. Bad Guy, de 1985) sem a participação do restante da banda, mas o grupo se reuniu para refazer uma base instrumental à canção tal qual fizera em outras oportunidades anteriores.

Para o caso de Face it alone, os depoimentos sugerem algo similar: provavelmente, Mercury registrou a faixa numa gravação demo de voz e piano, tudo gravado junto em um único canal, talvez com algum tipo de danificação à fita, e May e Taylor se reuniram para promover uma base instrumental complementar a canção.

A banda Queen se formou em Londres em 1970 (com Freddie Mercury, vocais e piano; Brian May, guitarra e vocais; John Deacon, baixo e vocais; e Roger Taylor, bateria e vocais) e lançou seu primeiro álbum homônimo em 1973, crescendo em popularidade gradativamente até a consagração com o álbum A Night At the Opera, seu quarto trabalho, em 1975, e a manutenção de uma carreira de sucesso dali em diante. Após um período de uma pequena “baixa” no sucesso no começo dos anos 1980, atingem um pico de popularidade nos anos de 1985 e 1986, mas se afastam das turnês depois disso, por causa do estado de saúde de Freddie Mercury.

A banda enfim conseguiu terminar o disco Innuendo em 1991, mas Mercury terminou por falecer em 24 de novembro daquele ano. Alguns anos depois, May, Deacon e Taylor se reuniram para dar um acabamento em uma série de canções inacabadas e lançaram o álbum póstumo Made in Heaven, em 1995.

Desde então, enquanto Deacon se aposentou da música e abandonou os holofotes, May e Taylor mantiveram o uso do nome Queen em projetos alternativos, como Queen + Paul Rodgers (ao lado do ex-vocalista do Free e do Bad Company) e, mais recentemente, Queen + Adam Lambert, com o vencedor do reallity show musical X-Factor.

Conheça a Discografia Completa e a história do Queen neste post especial do HQRock!