David Bowie foi um dos mais importantes cantores e compositores do século XX e uma persona de interesse até o fim da vida, em 2016. Sua trajetória musical foi única por vários motivos, especialmente por suas transgressões estéticas, mas também por um raro exemplo de gênio que demorou muito tempo para conseguir não exatamente reconhecimento, mas simplesmente tocar a carreira adiante. Por isso, houve várias tentativas do músico em atingir o sucesso antes que ele chegasse (tardiamente), e é daí que vem a grande notícia: a primeira gravação de Bowie cantando, ainda quando era parte de uma banda chamada The Konrads, foi encontrada e irá a leilão.

A faixa I never dreamed, de 1963, foi gravada pelos The Konrads como uma demo para tentarem um contrato de gravação com a Decca Records, a gravadora que tinha acabado de lançar os Rolling Stones. A rara fita havia sido dada como perdida, mas foi encontrada em uma velha cesta de pães no porão de sua casa, durante um processo de mudança, por David Haldfield, baterista e também empresário dos Konrads. Bowie alternava entre a guitarra base e o saxofone na banda.

Segundo uma entrevista que deu para o The Guardian, Haldfield teria escolhido Bowie, que há época ainda usava seu nome verdadeiro, David Jones, para cantar a faixa, porque era mais adequada a ele; porém, a Decca inicialmente rejeitou o grupo, e quando voltaram à gravadora mais tarde naquele mesmo ano, o posto de vocalista principal era ocupado por Roger Ferris, enquanto Bowie fazia as harmonias vocais.

A fita irá agora a leilão pela Omega Auctions Music Memorabilia e o lance inicial será de 10 mil libras.

A jornada de Bowie em busca do sucesso ainda seria longa, passando por grupos como The King Bees, The Mannish Boys, Third Low, gravou um álbum solo de estreia em 1967, sem sucesso, quase desistiu da música para virar mímico (!) até atingir o sucesso com o single Space oddity, em 1969, virar um artista cult por um par de anos até virar uma estrela total em 1972, com o célebre álbum The Rise and Fall of Ziggy Stardust and The Spiders From Mars.

Em outra notícia relacionada a Bowie, chegará às lojas em 12 de outubro, o quarto volume da coleção de relançamento de sua discografia. A caixa Loving The Alien terá 11 CDs (ou 15 LPs) com material dos anos 1980; sendo a sequência dos volumes anteriores: Five Years (1969-1973), Who Can I Be Now? (1974-1976) and A New Career In A New Town (1977-1982).