A The Walt Disney Company anunciou oficialmente as datas de estreia de seus filmes até 2027 (!), incluindo os produtos do Marvel Studios e de Star Wars. Há grandes novidades, especialmente àqueles relacionados à compra da 20th Century Fox, que detinha os direitos de X-Men e Quarteto Fantástico. De cara, Novos Mutantes foi adiado para 2020 e Gambit está oficialmente cancelado.

Veja o calendário:

  • 07 de junho de 2019: X-Men – Fênix Negra;
  • 20 de dezembro de 2019: Star Wars – A Ascensão Skywalker;
  • 03 de abril de 2020: Novos Mutantes;
  • 01 de maio de 2020: Marvel Studios;
  • 06 de novembro de 2020: Marvel Studios;
  • 12 de fevereiro de 2021: Marvel Studios;
  • 07 de maio de 2021: Marvel Studios;
  • 05 de novembro de 2021: Marvel Studios;
  • 18 de fevereiro de 2022: Marvel Studios;
  • 06 de maio de 2022: Marvel Studios;
  • 29 de Julho de 2022: Marvel Studios;
  • 16 de dezembro de 2022: Star Wars;
  • 20 de dezembro de 2024: Star Wars;
  • 18 de dezembro de 2026: Star Wars;

Com a compra da Fox, muitos chegaram a duvidar que Novos Mutantes viesse a ser lançado nos cinemas, e que sairia direto em streaming. Mas a Disney mantém o longa de Josh Bone no cronograma, embora seja adiado pela quarta vez! Programado para estrear ainda em 2018 – já teve até um trailer lançado! – a Fox terminou demandando uma série pesada de refilmagens – que ninguém sequer tem certeza se foram feitas ou não (!) – e mudou a data. Mas já foram duas vezes! A Disney não está segura sobre o longa, que abordaria os mutantes por uma abordagem nova, como um filme de terror. Ninguém sabe ao certo o que o novo adiamento significa.

Gambit na arte do brasileiro Ed Benes.

Gambit não está no cronograma e não vai mesmo acontecer. Produzido em torno do ator Channing Tatum encarnando o mutante cajun dos X-Men desde 2014, a produção passou por vários problemas, mudando de diretor três vezes, o que impediu o início das filmagens. Com a venda da Fox para a Disney, o projeto foi para o ralo.

Não há nenhum outro projeto da Fox na lista da Disney após X-Men – Fênix Negra (que chega em 07 de julho) e Novos Mutantes, confirmando as declarações de Kevin Feige de que demoraria alguns anos até o Marvel Studios desenvolver a forma como os X-Men e o Quarteto Fantástico irão ser inseridos nos filmes. Provavelmente, cinco anos, ou seja, após 2024.

Uma pista forte para isso é que o Marvel Studios mantém a atual política de apenas 3 filmes por ano até 2022, quando encerra seu plano imediato. Se quiser continuar desenvolvendo os personagens que possui hoje e ainda acrescentar os mutantes e a “primeira família”, vai ter que aumentar.

Outro ponto interessante é tentar adivinhar quais os filmes que irão ocupar as datas do cronograma da Marvel. Embora não seja assinalado, é bem claro que as datas de 01 de maio e 06 de novembro de 2020 serão de Viúva Negra e Os Eternos, respectivamente.

Seguindo a lógica que o HQRock já desenvolveu em outro post sobre os próximos filmes da Marvel, poderíamos dizer o seguinte:

  • 01 de maio de 2020: Viúva Negra;
  • 06 de novembro de 2020: Os Eternos;
  • 12 de fevereiro de 2021: Shang-Chi, o Mestre do Kung-Fu;
  • 07 de maio de 2021: Guardiões da Galáxia Vol. 3;
  • 05 de novembro de 2021: Doutor Estranho 2;
  • 18 de fevereiro de 2022: Pantera Negra 2;
  • 06 de maio de 2022: Capitã Marvel 2;
  • 29 de Julho de 2022: Total incógnita.

A última data podia até ser Homem-Aranha 3, mas como este é um filme da Sony Pictures em parceria com a Marvel, não aparece na lista, como não aparece o Longe Demais de Casa. Um candidato forte seria o tão comentado filme das heroínas da Marvel – que nos quadrinhos atende pelo nome de A-Force. Seria algo relativamente fácil de arranjar, pois as personagens estão estabelecidas.

Existem algumas possibilidade mais experimentais na cartola da Marvel, como um filme do Cavaleiro Negro e Capitão Bretanha, por exemplo, mas um lançamento desse tipo, mais experimental, ocuparia a data de fevereiro ou novembro e não de julho.

Por fim, os últimos lugares da lista são ocupados por novos filmes de Star Wars e isso deixa uma informação importante. Após a estreia de A Ascensão Skywalker no fim deste ano, realmente, a franquia espacial da LucasFilm vai dar uma respirada e só retorna em 2022, com lançamentos consecutivos nos pares de anos seguintes.

O que isso significa?

Provavelmente, será a nova trilogia de filmes desenvolvida por David Benioff e D.B. Weiss, os criadores de Games of Thrones na TV. Também é possível que os filmes intercalem a série de longas planejados por Rian Johnson, que dirigiu Os Últimos Jedi e também tem no papel uma nova trilogia de filmes.

Não é totalmente impossível que a Disney encampe filmes derivados de Star Wars, como o tão esperado sobre Obi-Wan Kenobi, mas é muito improvável depois do fracasso de Han Solo – Uma História Star Wars. O velho mestre Jedi até deve mesmo dar as caras, mas é muito mais possível de aparecer em uma série de TV no Disney+, como a vindoura O Mandaloriano.

De qualquer modo, o ritmo de um novo filme de Star Wars a cada ano, estabelecido entre 2015 e 2019 não irá mais se repetir de modo nenhum, como medida protetiva para garantir a relevância da franquia.